All for Joomla All for Webmasters

Escola de Dados e Correio firmam colaboração em jornalismo de dados

Juan Torres, gerente da Escola de Dados. Foto: Fernando Frazão

A Escola de Dados fechou parceria com o Correio, o maior jornal da Bahia, para colaborar com a redação na produção de reportagens guiadas por dados. Pelo acordo, a Escola de Dados vai contribuir regularmente com a equipe de jornalistas da redação, auxiliando nas diversas etapas do fluxo de trabalho com dados.

“É um formato interessante para nossa missão, que é o letramento de dados. Ao trabalhar em conjunto com os repórteres do Correio na produção de conteúdo a partir de dados, nós estaremos paralelamente treinando-os sobre como buscar, tratar, encontrar e apresentar informações em dados; com o tempo, a redação vai assimilando as técnicas”, comemorou o coordenador da Escola de Dados, Juan Torres.

Para celebrar a parceria, a Escola de Dados realizou um workshop sobre Jornalismo de Dados, na redação do Correio, em Salvador, na última quinta-feira (23). Durante a apresentação, Álvaro Justen e Juan Torres mostraram o quanto as técnicas da área ampliam a possibilidade de produção de pautas e como fortalecem o trabalho do jornalista no dia a dia.

“A parceria do Correio com a Escola de Dados é um reforço na busca de novas pautas e na busca de experimentar novas narrativas. Acho que, com isso, a gente firma ainda mais o nosso propósito de fazer um jornalismo de credibilidade”, comemorou a editora-chefe do Correio, Linda Bezerra. “O Correio é um jornal inovador, então se existe uma tendência de fazer jornalismo de dados, não podemos deixar de nos associar a essa tendência que é boa para o jornal e para o leitor e enriquece nosso trabalho”, complementou.

Responsável pela produção digital do jornal, o editor Wladmir Pinheiro explicou que hoje a maioria das reportagens ainda são feitas de modo tradicional, mas a parceria pode mudar essa realidade. “Esse momento é de entender as possibilidades que se abrem ao contar história através de dados. Não mais de forma pontual, mas tornar isso parte da rotina. Essa parceria vai ajudar a ampliar o contato dos repórteres com o jornalismo de dados nas diversas etapas da produção da notícia. Isso até que a gente chegue a uma fase mais madura e ganhe autonomia para produção própria”, afirmou.

 

Como funciona a parceria

A parceria com a Escola de Dados prevê que o Correio possa pensar em demandas que envolvam qualquer uma destas partes do trabalho: busca, limpeza, análise e visualização.

Álvaro Justen, gerente de programa da Escola de Dados, falou sobre sua atuação como programador e explicou que, para a obtenção de alguns dados, às vezes é necessário um pequeno conhecimento em programação. “Gostaria que vocês pensassem em programação como a automação de tarefas”, disse.

 

Parceria já gera frutos

E a parceria já gerou os primeiros resultados. Na semana passada, o Correio já publicou quatro matérias que surgiram a partir da automação de downloads dos conjuntos de dados do Inema (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia), realizado pela equipe da Escola de Dados, a partir de uma demanda da editoria de Cidades do jornal. Os repórteres haviam encontrado um banco de dados, mas era preciso raspar e analisar mais de 1,4 mil PDFs.

A equipe da Escola de Dados, então, realizou a raspagem e limpeza, entregando a tabela e os scripts para a redação, que, então, produziu quatro matérias, entre elas a manchete do jornal no domingo, mostrando as praias mais sujas da cidades nos últimos dez anos. Confira o conteúdo.

O mar não está pra banho: veja praias que se tornaram impróprias em menos de 10 anos
Aqui não tem esgoto! Saiba qual é a melhor praia de Salvador
Conheça as 10 praias mais ‘sujas’ da Bahia
Barreada: número de medições impróprias no Farol da Barra bate recorde

 

Trabalha em uma redação ou uma organização não-governamental? Entre em contato com a Escola de Dados para mais informações sobre parcerias e colaborações para narrativas e produtos digitais envolvendo o uso de dados.

Posts relacionados

Deixe um comentário