Cruzando dados de desmatamento e agropecuária com a Base Dos Dados e Python

Fernanda Scovino mostra como acessar dados de desmatamento da Amazônia Legal com o pacote Python da Base dos Dados e como fazer cruzamentos com outras bases.

Batendo recordes históricos de desmatamento, os danos socioambientais na Amazônia são motivos de preocupação no Brasil e no mundo. Em maio de 2021, realizamos um webinar ao vivo com a presença de Fernanda Scovino, cofundadora da Base dos Dados, que mostrou como é possível utilizar a plataforma e a linguagem Python para analisar dados de desmatamento.

A partir dessa apresentação, preparamos um notebook com todo passo a passo, para você praticar.

ACESSE AQUI O TUTORIAL NESTE NOTEBOOK NO GOOGLE COLAB

O tutorial tem 4 partes, sendo que as 2 primeiras são úteis para acessar qualquer informação da Base dos Dados, não só sobre dados ambientais.

🔧 Parte 1: Configurando o acesso do Python à Base dos Dados
🎲 Parte 2: Conhecendo a Base dos Dados
🔎 Parte 3: Carregando e consultando dados do PRODES
 📈 Parte 4: Analisando dados históricos de desmatamento

No fim do tutorial, você conseguirá produzir gráficos como este abaixo, usando as informações da Base dos Dados.

 

Gráfico

Realizado graças ao apoio da Earth Journalism Network, o tutorial é baseado no webinar feito em maio, com integrantes do programa de membresia e participantes do curso de dados ambientais. O notebook mostra como usar a biblioteca Python ‘basedosdados’ para acessar os dados de desmatamento do projeto de monitoramento PRODES (INPE) que estão disponíveis no repositório público BD+, bem como construir uma análise sobre as taxas anuais de desmatamento da Amazônia Legal, cruzando com informações sobre rebanho bovino, por município. 

 

Também como parte do projeto ‘Jornalismo de Dados Ambientais – no rastro do desmatamento da Amazônia’, disponível mediante registro gratuito em nosso site, recebemos especialistas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), que faz o monitoramento e disponibilização de dados sobre desmatamento no Brasil. Acesse a página do curso para mais informações.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.