Dados 360: comunicação baseada em dados

Vagas esgotadas. Pessoas já inscritas podem acessar o curso aqui.

Desde 2013, a Escola de Dados ajuda comunicadores, organizações da sociedade civil e cidadãos a transformar dados em conteúdos, evidências e investigações de impacto, tornando-se uma referência em capacitações na área. No ano passado, nosso curso ‘Transformando Dados em Histórias’ foi realizado em 4 cidades e avaliado por 100% das pessoas participantes como “bom” ou “excelente”. A partir desta e outras experiências de sucesso e com a colaboração de especialistas externos, construímos um curso online inédito: o ‘Dados 360′ traz novos conteúdos, visando fornecer um panorama completo da área para quem quer começar a trabalhar com dados. Esta formação introdutória dará aos participantes acesso a orientações individualizadas, aulas ao vivo, exercícios e vídeos com profissionais experientes. No curso, os participantes verão os principais conceitos, referências e ferramentas livres e gratuitas da área. A turma possui vagas limitadas.

CARGA HORÁRIA

Total de 20 horas de aulas, sendo 10 horas ao vivo com instrutores, para orientação e realização de exercícios, e 10 horas de aulas em vídeo, ao longo de 5 semanas.

FORMATO

O curso é dividido em módulos semanais e a interação se dará por meio dos seguintes modos:

Aulas ao vivo: aulas ao vivo e sessões práticas semanais, em grupos com no máximo 25 pessoas, para auxiliar a resolução de exercícios e fornecer orientações sobre projetos individuais, totalizando 2 horas semanais;

Vídeo-aulas: aulas exclusivas com profissionais e especialistas, em vídeos de aproximadamente 15 minutos cada, totalizando 2 horas semanais;

Plataformas online: além do sistema online de ensino à distância do curso, para responder dúvidas, os participantes terão acompanhamento contínuo da equipe, através do forum.jornalismodedados.org, que será acompanhada pelos instrutores.

CRONOGRAMA

Mês Atividade
MarçoAbertura da inscrições;
Abril30/04 – Término das inscrições;
Maio20/05 – Término das inscrições*
* Ou até durarem as vagas.

22/05 – Orientações prévias aos inscritos;
25/05 – Semana 1
Junho01/06 – Semana 2
08/06 – Semana 3
15/06 – Semana 4
22/06 – Semana 5

AGENDA*

As atividades do curso seguirão o cronograma abaixo, semanalmente:

Quarta
Noite: Aula ao vivo (sala 1)

Quinta
Manhã: Aula ao vivo (sala 2)
Tarde: Exercícios ao vivo (turma 1)
Noite: Exercícios ao vivo (turma 2)

Sexta
Exercícios ao vivo (horários diversos)

Sábado
Exercícios ao vivo (horários diversos)

* Agenda prevista. Sujeita à alteração.

EMENTA BASE

  • Semana 1: Fundamentos e obtenção de dados
    • Dados 360: uma visão panorâmica dos dados
    • Desenvolvendo projetos e investigações baseadas em dados
    • Dados: fontes e formas de obtenção
    • Open Source Intelligence (OSINT) com dados
  • Semana 2: Introdução à programação e bancos de dados
    • Noções básicas de programação
    • Operações comuns com dados
    • Bancos de dados
  • Semana 3: Análise de dados
    • Análise de dados tabulares
    • Estatística descritiva
    • Análise exploratória
    • Noções básicas de inteligência artificial e aprendizado de máquina
  • Semana 4: Visualização de dados
    • O papel da visualização na análise e comunicação de dados
    • Cognição visual e a gramática dos gráficos
    • Introdução à visualização de dados
    • Tipos de gráficos comuns
    • Ferramentas para visualizar dados
  • Semana 5: Trabalhando com textos, mapas e redes sociais
    • Dados geográficos e mapas
    • Textos como dados e processamento de linguagem
    • Noções básicas de análise de redes
    • Ferramentas para trabalhar com textos, mapas e redes

OBJETIVOS

Ao final do curso, o/a participante será capaz de:

  • Descrever de maneira técnica os principais conceitos e tecnologias utilizados para trabalhar com dados no campo da comunicação, bem como reconhecer e criticar decisões técnicas nesta área;
  • Identificar oportunidades de uso de dados no campo da comunicação para criar ou responder perguntas em diferentes contextos;
  • Comunicar de forma profissional os resultados do trabalho, por meio visualizações, tabelas e textos de impacto, produzindo conteúdos de impacto, evidências e investigações baseadas em dados;
  • Utilizar ferramentas gratuitas e de código-aberto para trabalhar com as diferentes etapas de um projeto de comunicação baseado em dados;
  • Desenvolver sua própria trilha de aperfeiçoamento profissional nos diferentes campos de trabalho da comunicação baseada em dados.

INSTRUTORES

Ana Carolina Da Hora – Estuda Ciências da Computação na PUCRio. Criadora do Computação da hora e Ogunhe, voluntária em iniciativas que incentivam a inserção de meninas e mulheres na tecnologia.

Adriano Belisário – Coordenador da Escola de Dados e jornalista. Há mais de 10 anos pesquisa e desenvolve projetos na área de tecnologias abertas e mídia. Desde 2012, trabalha com investigações baseadas em dados e hoje é pesquisador associado do Medialab/UFRJ, onde desenvolve investigações e produção de evidência baseadas em fontes abertas (OSINT), além de atuar com jornalismo investigativo baseado em dados, tendo colaborado com veículos, como a Agência Pública, onde foi editor do projeto de checagem de fatos Truco, e o The Intercept Brasil.

Alice Adativa – Doutoranda da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), trabalhando com ciência de dados espaciais, organizadora em @PyDataManaus e @PyLadiesManaus.

Bruna Wundervald – Doutoranda em Estatística em Maynooth (Irlanda), usuária de R e outras linguagens e membro de diversas comunidades relacionadas.

Fernanda Campagnucci – Diretora-executiva da Open Knowledge Brasil. Graduada em Jornalismo e mestre em Educação, foi integrante da carreira de Analista de Políticas Públicas e Gestão Governamental na Prefeitura de SP, onde desenvolveu projetos de transparência e integridade pública desde 2013. Coordenou o Pátio Digital, iniciativa de governo aberto da Secretaria Municipal de Educação. É fellow de governo aberto da OEA e integrante da Rede de Líderes em Dados Abertos do Open Data Institute, de Londres.

Fernando Barbalho – Doutor em Administração pela UnB (2014). É cientista de dados no Tesouro Nacional. Pesquisa e implementa produtos para transparência no setor público brasileiro. Desenvolve projetos e investigações baseadas em R.

Natália Mazotte – Co-fundadora da Escola de Dados, atualmente é JSK Stanford fellow. Também co-fundou a revista digital Gênero e Número. Atua como instrutora e palestrante em temas relacionados a métodos digitais, dados abertos e acesso à informação. Tem mestrado em comunicação na UFRJ e pós-graduação em Estratégia Digital na Universidade Pompeu Fabra.

Nazareno Andrade – Pesquisa e desenvolve projetos de tecnologia cívica usando ciência de dados e visualização de dados. Além disso, é professor desses assuntos na Universidade Federal de Campina Grande, e um dos criadores do hackfest.com.br.

INSTRUTORES DE APOIO

Ariane Alves – Jornalista formada pela ECA-USP, atualmente cursa pós-graduação em Ciência de Dados e Big Data na PUC Minas Virtual. Já integrou a equipe da Coordenadoria de Promoção de Integridade da Controladoria Geral do Município, em São Paulo, como estagiária de Comunicação e Design. Também foi assessora de conteúdo na Campanha Nacional pelo Direito à Educação e repórter de tecnologia nos sites EXAME.com e Olhar Digital. Hoje integra a equipe de Inovação Cívica da Open Knowledge como analista de dados e comunicação digital.

Mário Sérgio – É graduado em Ciência da Computação pelo Centro Universitário IESB e o atual presidente da Associação Python Brasil (APyB). Foi o responsável pela organização da Conferência Python Brasil, sediada em Florianópolis-SC. Em 2017, foi reconhecido como um Fellow Member da Python Software Foundation nos Estados Unidos.

Murilo Machado – Jornalista (Cásper Líbero) e Mestre em Ciências Humanas e Sociais (UFABC), trabalha com tecnologias livres desde 2008, com experiências no jornalismo, na pesquisa acadêmica e na gestão pública. Na prefeitura de São Paulo, foi um dos coordenadores do WiFi Livre SP, programa pioneiro que levou internet livre, gratuita e de alta velocidade a todos os distritos do município. Também em São Paulo, atuou na Controladoria Geral do Município, na implementação de políticas de transparência, abertura de dados e integridade. É pesquisador do Laboratório de Tecnologias Livres (LabLivre) da UFABC e autor do livro “Anonymous Brasil: poder e resistência na sociedade de controle”.

PÚBLICO PRINCIPAL

Comunicadores, organizações da sociedade civil, servidores públicos, estudantes, pesquisadores e profissionais interessados em trabalhar com dados. 

Não há pré-requisitos, porém, para melhor aproveitamento do curso é desejável conhecimentos básicos em editores de planilha.

INVESTIMENTO*

R$ 450 – Inscrição no curso ‘Dados 360’ e no programa de membros da Escola de Dados;

R$ 290 – Inscrição no curso ‘Dados 360’;

R$ 230 – Inscrição no curso ‘Dados 360’ para pessoas que se associaram ao nosso programa de membros até o dia 20 de março de 2020. Caso já participe do programa, confira o link enviado por e-mail.

Órgãos públicos podem efetuar o pagamento por meio de nota de empenho. Entre em contato conosco.

* Vagas esgotadas.